Agricultor é Preso pelo crime de furto de 200 Cabeças de Gado

Compartilhe

Segundo a Polícia Civil, crime ocorreu entre os anos de 2008 e 2010 em várias fazendas e Comunidades Indígenas no município de Normandia. Homem foi condenado a 4 anos em regime inicialmente semiaberto.

A Polícia Civil cumpriu nesta quinta-feira (1º) mandado de prisão contra um agricultor, de 50 anos, condenado a quatro anos e um mês de reclusão e multa, pelo furto de aproximadamente 200 cabeças de gado e seis cavalos, de fazendas no município de Normandia, em Roraima.

O crime ocorreu entre os anos de 2008 e 2010. O homem deve cumprir a pena, inicialmente, em regime semiaberto, conforme a Civil.

Agricultor foi preso por crime cometido entre os anos de 2008 e 2010, informou a PCRR — Foto: Divulgação/PCRR/Ascom

Em 2010 foi instaurado inquérito policial pelo crime e durante as investigações o agricultor foi indiciado. A denúncia foi apresentada a Justiça pela Comarca de Bonfim. Segundo a Civil, o mandado de prisão foi expedido no início desta semana.

O agricultor foi localizado na casa dele, em uma Comunidade Indígena de Normandia. Após a prisão, ele foi encaminhado para a audiência de custódia em Boa Vista, e ficará à disposição da Justiça.

Original de G1 Globo