Ano safra 2021/22 caixa disponibilizara R$ 35 bilhões

Compartilhe

Banco atuará pela primeira vez no Plano Safra: serão R$ 7 bilhões em recursos equalizados e outros R$ 28 bilhões em recursos CAIXA para o ciclo 2020/2021

A CAIXA vai iniciar o ano safra 2021/2022 com a oferta recorde de recursos para o crédito rural de R$ 35 bilhões por meio do Plano Safra, beneficiando, principalmente, agricultores familiares e pequenos e médios produtores rurais, além de agroindústrias e cooperativas. Esse montante contempla R$ 7 bilhões em recursos equalizados pelo Governo Federal, além de R$ 28 bilhões em recursos CAIXA, proporcionando um crédito mais barato ao produtor e maior rentabilidade à produção.

Os recursos são para o custeio de despesas do ciclo de atividades e culturas como café, soja, milho, trigo, cana-de-açúcar, arroz, gado, fruticultura e psicultura, além da destinação para linhas de investimento para a construção de silos e armazéns, aquisição de máquinas e equipamentos e implantação de projetos de irrigação e de agricultura de baixo carbono (ABC). O crédito também pode viabilizar a comercialização, o beneficiamento e industrialização de produtos agropecuários e oferece, ainda, a possibilidade de investimento para implantação, ampliação, ou modernização da infraestrutura de produção e serviços agropecuários.

A CAIXA conta com gerentes especializados no agronegócio, que atuam regionalmente com o objetivo de melhor atender os produtores, apoiando as agências, a rede de mais de 2.500 consultores rurais conveniados e estreitando o relacionamento com entidades representativas do setor, como associações, federações e sindicatos rurais. O banco também prepara novidades na avaliação dos processos de contratação do crédito, para dar mais celeridade na liberação dos recursos e tornar mais simples o acesso ao crédito pelos produtores rurais.

agro

Capilaridade:

A CAIXA anunciou, no mês de maio, a abertura de 51 novas unidades especializadas em agronegócio. Serão abertas sete em Minas Gerais, sete no Paraná, seis no Mato Grosso, seis no Mato Grosso do Sul, cinco em Goiás, quatro em São Paulo, quatro no Rio Grande do Sul, duas no Pará, duas no Piauí e uma em cada um dos seguintes estados: Rondônia, Tocantins, Bahia, Maranhão, Pernambuco, Distrito Federal, Espírito Santo e Santa Catarina. Todas estas agências estarão em operação até o final de 2021.

Hoje, mais de 1.700 agências do banco são habilitadas a atuar com o crédito rural em todo o país.

Recordes do crédito rural CAIXA:

No Ano Safra 2020/2021, a CAIXA registrou, até o momento, um crescimento de 46% nas contratações em relação ao registrado em 2019/2020. Já são mais de 5 mil contratos neste ano, número que é 45% maior frente ao mesmo período da safra passada.

O banco registra avanços importantes em sua atuação no crédito rural na atual gestão, com destaque para os recordes em contratação no primeiro trimestre deste ano, com R$ 2,5 bilhões contratados e aumento de mais de 240% em relação ao mesmo período de 2020, e o saldo carteira da modalidade de crédito, que superou R$ 9 bilhões em maio.

original de noticias caixa