Bandidos roubam 38 nelores em fazenda de Varginha e dono calcula perda de quase R$500 mil

Compartilhe

Em áudio e vídeo que circulam nas redes sociais, nesta sexta-feira (18), o proprietário de uma fazenda de Varginha anunciou, ainda pela manhã, que havia sido vítima de criminosos na zona rural. 

Ele afirmou que haviam sido furtadas 38 cabeças de gado da raça Nelore; entretanto, mais cedo noticiamos que foram 88 cabeças, o que consta no boletim de ocorrências na Polícia Militar.

Fonte: Polícia Militar de Minas Gerais

Segundo o dono da fazenda Cafezal, Frederico Vilela, o prejuízo foi estimado em aproximadamente R$500 mil. Ele contou aos policiais que os indivíduos agiram de madrugada, por volta da 1h (segundo as câmeras de segurança), e levaram 38 cabeças de gado da raça nelore, animais registrados, fêmeas e prenhas. 

Além disso, ele informou também que o rebanho possui a marcação GBVR e a letra F circulada na altura da paleta. O proprietário da fazenda afirmou que para consumar o crime, os indivíduos arrebataram cercas e portões e usaram caminhões próprios para transporte de carga viva. 

Segundo a Polícia Militar, as informações da ação dos bandidos foram repassadas para todas guarnições policiais da região. “Seguem levantamentos para localizar e prender os autores e recuperar o gado furtado”, disse a PM.

original de Varginha Online