Conta de luz e de água pode aumentar com o nível dos reservatórios baixo

Compartilhe

De acordo com o relatório do ONS, o nível das hidrelétricas deve continuar abaixo da média histórica

O nível das hidrelétricas deve continuar abaixo da média histórica nesta semana. Segundo relatório do Operador Nacional de Sistema (ONS) elétrico, todas as regiões do Brasil apresentam os reservatórios com níveis abaixo da média, sendo as regiões Sul, Centro-Oeste e Sudeste com a situação mais delicada. A previsão é que a região Sudeste e Centro-oeste terminem o mês com os reservatórios em 26% da capacidade, quase um quarto do total. A região Sul deve ficar com os reservatórios com 45% da capacidade.

Foto: Divulgação/ Comitê de Bacia Hidrográfica de Chapecó Fonte: Epagri

Para o comentarista do Canal Rural Miguel Daoud, o baixo nível das hidrelétrica pode incentivar o Governo a recorrer de outras fontes de geração de energia elétrica, encarecendo os preços. “Com o nível dos reservatórios em baixa, o uso da energia e da água vai levar um encarecimento e vai pesar no bolso do consumidor. A energia que é produzida fora do sistema hídrico é muito mais cara”, pontua.

“Essas altas recentes no valor da energia elétrica vai dobrar o IPCA para este mês, em torno de 1%. Consequentemente, a inflação mais alta gera um cenário de alta de juros e queda no consumo por parte da população”, pondera Daoud.

Original de Canal Rural