Hortifruti: Consumo sofre grandes mudanças em 2020

Compartilhe

Saiba quais fatores foram positivos ou negativos ao consumo de HF no primeiro ano de pandemia

Após pouco mais de um ano de pandemia, é possível afirmar que a cadeia de alimentação no Brasil se manteve relativamente firme, devido à sua essencialidade e à consequente manutenção de suas atividades.

Contudo, a queda da atividade econômica, as restrições na comercialização em importantes canais de escoamento e as mudanças dos hábitos de consumo do brasileiro afetaram o setor de frutas e hortaliças e ainda devem continuar impactando essa cadeia nos próximos meses.

Foto: Pixabay

O setor de HF precisou se adaptar às novas formas de comercialização – ou até mesmo criá-las – e reorganizar as atividades em diferentes etapas, no intuito de atender às normas sanitárias vigentes.

Do lado do consumidor, as necessidades se alteraram com o passar dos meses, o que também modificou a demanda por frutas e hortaliças no último ano.

E este balanço faz parte da edição de abril da revista Hortifruti Brasil, que analisou o primeiro ano de pandemia no País, além das perspectivas para o setor de HF em 2021/22. Confira, abaixo, quais mudanças no consumo foram positivas ou negativas para o setor:

Original de HF Brasil