Luta contra mudança climática faz produção de alimentos ser mais sustentável

Compartilhe

O combate às mudanças climáticas corresponde ao 13° Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) para cumprir com os acordos feitos na Agenda 2030. Apesar de possuir apenas três metas principais, o ODS 13 é um dos temas mais discutidos atualmente, pois trata sobre como é preciso tomar medidas urgentes para combater a mudança do clima e seus impactos.  

<\/div>

Entre os atributos do ODS 13 estão o de contribuir para a mitigação das mudanças climáticas e descarbonização do modelo energético do planeta;  também, o de integrar as mudanças climáticas nos processos internos de tomada de decisão e no gerenciamento de riscos a longo prazo, tanto na indústria, no comercio e na agropecuária, como na forma e modelo de produção energética dos países; outro atributo, é o de promover a formação de grupos de interesse e incentivar fornecedores a adotarem políticas adequadas de sustentabilidade.

Uma das principais causas do fenômeno do aquecimento global é a emissão de Gases de Efeito Estufa (GEE), gerado por meio da queima de combustíveis fósseis, emissões industriais, das queimadas e incêndios florestais, entre outras ações que devem ser avaliadas e tratadas em vista do nosso futuro.

Não existe país no mundo que não enfrente nos dias de hoje os efeitos adversos da mudança global do clima gerados por essas emissões de gases de efeito estufa. E estas mudanças vêm crescendo no longo prazo o que pode trazer consequências irreversíveis, se não tomarmos medidas urgentes agora.

Ajudar as regiões e a agropecuária do país a se adaptarem a este cenário é um compromisso fundamental da Embrapa, que tem buscado evidenciar a dimensão dos desafios impostos pelo clima e seus impactos na produtividade agrícola e pecuária, evitando os desastres ambientais e seus reflexos para a saúde e o bem estar para uma população cada vez mais crescente.

Para a equipe técnica da Embrapa Arroz e Feijão (Santo Antônio de Goiás, GO) o ODS 13 tem relação direta com as ações da segurança alimentar, uma vez que, cuidando do clima, garantimos produção de alimento, saúde e nutrição, maior capacidade de equilíbrio da biodiversidade e a matriz energética para as sociedades humanas em todo o mundo.

As pesquisas enfocam a resiliência e adaptação a estas questões do clima, orientações sobre sistema de produção mais adequados frente a questões de aquecimento global, conciliando produção de alimentos e sustentabilidade socioambiental.

Fonte: Embrapa