17°C 27°C
Uberlândia, MG

Soja: chuva abundante no Sudeste interrompe colheita e preço sobe

Esse cenário e preocupações com a produtividade nacional deixaram sojicultores cautelosos

25/03/2024 às 15h58 Atualizada em 10/04/2024 às 14h49
Por: Ana Luzia Rodrigues
Compartilhe:
Chuva no Sudeste Colheita Soja / Imagem freepik
Chuva no Sudeste Colheita Soja / Imagem freepik

Chuvas no Sul e Sudeste brasileiro interromperam pontualmente a colheita de soja na semana passada em algumas regiões acompanhadas pelo Cepea.

Esse cenário e preocupações com a produtividade nacional – que pode ser menor em parte das praças – deixaram sojicultores cautelosos nas novas negociações no spot.

Pesquisadores do Cepea indicam que, por outro lado, o interesse de agentes em comercializar para o mercado externo esteve maior, mas a liquidez acabou sendo limitada pela baixa disponibilidade de espaço nos portos brasileiros.

Na Argentina, outro importante fornecedor global de oleaginosa e derivados, a escassez hídrica no período de desenvolvimento do grão e, mais recentemente, o excesso de chuva podem reduzir a qualidade das lavouras.

Diante disso, os prêmios de exportação de soja no Brasil subiram na semana passada, o que, por sua vez, influenciou também a alta nas cotações domésticas.

Alerta climático

Os efeitos climáticos mais intensos do El Niño pode influenciar o clima até o mês de junho no país. Além disso, já existe a previsão de La Niña no segundo semestre deste ano, quando as regiões Norte e Nordeste do Brasil recebem mais chuvas.

Por isso, a Associação Brasileira dos Produtores de Soja (Aprosoja Brasil) recomenda aos produtores de soja que redobrem os cuidados antes de fechar negócios nos próximos meses. A entidade pede que não realizem vendas imediatas e futuras e não adiantem compras. 

*Com informações do Canal Rural

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários