16°C 27°C
Uberlândia, MG

Inovameat: Secretário destaca protagonismo estadual na produção de proteína animal

O evento, que tem apoio do Governo do Estado, é um dos mais importantes entre os direcionados à inovação na produção de carne. O secretário de Est...

02/04/2024 às 11h31
Por: Redação Dia Rural Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
Foto: Fábio Ulsenheimer/Prefeitura de Toledo
Foto: Fábio Ulsenheimer/Prefeitura de Toledo

A vocação agropecuária do Estado, os bons resultados da indústria da proteína animal em 2023 e o momento atual do setor foram os destaques da participação da Secretaria de Agricultura e do Abastecimento na abertura do Inovameat, na noite desta segunda-feira (01), em Toledo, no Oeste do Paraná. O evento, que tem apoio do Governo do Estado, é um dos mais importantes entre os direcionados à inovação na produção de carne.

“O ano passado foi pródigo para a gente, com preços bastante razoáveis e uma produção cheia para quase tudo, e com um crescimento consistente na produção de proteínas animais”, disse o secretário de Estado da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara. Ele destacou que o Estado apresentou crescimento de 5,8% no Produto Interno Bruto (PIB), calcado principalmente no setor agro, o dobro do brasileiro, e que a participação paranaense na produção nacional de ovos, leite, frango e suínos aumentou no ano passado.

Em proteínas animais, sem contar o leite, foram produzidos 6,3 milhões de quilos de carne no Paraná, com liderança em frango (2.155.176.303 de unidades) e peixe e segundo lugar em suínos (12.138.752 de unidades). “Isso é fruto de conhecimento, ciência e inovação”, afirmou Ortigara. “Nós aprendemos a manejar melhor a produção de grãos, de proteínas animais, de madeira e tantas outras diversidades que o nosso agro é capaz de produzir”.

Ele também apresentou um panorama de 2024, com chuvas mal distribuídas que prejudicaram plantios e indicam perdas na safra 2023/24 . “Mas as dificuldades foram feitas para serem enfrentadas com altivez, consciência, coragem, mas apenas coragem não basta, é momento de refletir, de achar a saída de curto prazo, pois com certeza absoluta não se pode virar as costas para quem sustenta a economia, para quem impacta 40% do PIB do Paraná e 24% do Brasil”, afirmou.

Segundo ele, o Inovameat é o foro ideal para isso porque discute soluções e inovações. “É o momento de calibrar o futuro, este é um evento de inovação, daquilo que pode chegar nos nossos processos de produção para fazer mais e melhor com menos, para gastar menos do ambiente, para gastar menos do bolso, para ser mais eficiente”, declarou.

O evento se estende até esta quarta-feira (03) no Centro de Convenções e Eventos Ismael Vicente Sperafico. A abertura contou também com a presença da senadora Tereza Cristina, do prefeito de Toledo, Beto Lunitti, do presidente da Associação Comercial e Empresarial de Toledo (ACIT), Cristiano Dall’Oglio da Rocha, do presidente do Sindicato Rural de Toledo, Nelson Gafuri; do presidente da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP), Marcio Rauber; e dos deputados federais Dilceu Sperafico, Elton Welter e Sergio Souza.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários