16°C 30°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Sustentabilidade: Sebrae promove missão técnica para incentivar boas práticas...

Na última quinta-feira (25) e sexta-feira (26), gestores públicos e membros de associações e cooperativas de materiais recicláveis de nove municípi...

30/04/2024 às 09h22
Por: Redação Dia Rural Fonte: Prefeitura de Costa Rica - MS
Compartilhe:
Fotos: Sebrae/MS
Fotos: Sebrae/MS

Na última quinta-feira (25) e sexta-feira (26), gestores públicos e membros de associações e cooperativas de materiais recicláveis de nove municípios de Mato Grosso do Sul, atendidos pelo Sebrae/MS, por meio do programa Cidade Empreendedora, participaram de uma missão-técnica em Brasília (DF) para conhecer boas práticas de sustentabilidade e acesso à mercado adotadas por empresas e cooperativas referências na área de coleta e tratamento de resíduos.

A ação fez parte do programa de Desenvolvimento de Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis, voltado para dar suporte aos trabalhadores por meio de consultoria especializada. O trabalho auxilia na formalização de associações, no caso dos municípios que ainda não possuem, além de apoiar os grupos já estruturados a melhorarem a forma de atuação, ampliando a geração de renda de forma sustentável.

De acordo com o analista-técnico do Sebrae/MS, Vitor Faria, essa atuação é feita no âmbito da inclusão produtiva das comunidades com o foco na sustentabilidade. Ele ressalta que a missão técnica é um complemento ao acompanhamento que os grupos já recebem, pois permite que eles conheçam estratégias que deram certo e troquem experiências com quem já se consolidou na área.

“Quisemos proporcionar tanto para os catadores que trabalham com materiais recicláveis, quanto para os gestores públicos, o acesso à boas práticas que podem ser replicadas nos municípios onde eles estão inseridos. Eles puderam ver mais sobre cooperativismo, sobre o mercado que envolve o setor da reciclagem com o oferecimento de serviços que são agregados à coleta, por exemplo, além de técnicas de gestão. Então, são muitos conhecimentos que vão fazer a diferença no trabalho que desenvolvem”, destacou o analista-técnico do Sebrae/MS.

Durante a missão técnica, representantes de Bandeirantes, Camapuã, Costa Rica, Dourados, Jaraguari, Paraíso das Águas, Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo e Rio Verde de Mato Grosso estiveram na sede da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), quando puderam conhecer um programa de negócios específico para cooperativas de reciclagem. O grupo também conheceu o funcionamento da Capital Recicláveis, considerada a maior empresa de recicláveis da região Centro-Oeste, que atua no gerenciamento integrado de resíduos com serviços de coleta, industrialização, comércio e destinação final adequada de materiais recicláveis.

Foto: Reprodução/Prefeitura de Costa Rica - MS
Foto: Reprodução/Prefeitura de Costa Rica - MS

Recicle a Vida foi uma das cooperativas visitadas pelo grupo em Brasília (DF).

Outro local visitado foi o Grupo Recicle a Vida – uma associação que reúne oito cooperativas e também trabalha com o processo completo, desde a coleta e triagem até o transporte e a destinação correta dos resíduos. “Foi bem legal poder mostrar um pouquinho do nosso trabalho. Desde 2015 a gente tem atuado, principalmente, na questão de valorizar aquilo que os catadores fazem. Hoje, prestamos serviços para o Governo Federal, para grandes condomínios e empresas, como o Mc Donald’s, então, quisemos mostrar a eles que é possível fazer um trabalho relevante nessa área e destacar que o cuidado com o resíduo é uma responsabilidade que deve ser compartilhada”, pontuou Mônica Licassali, coordenadora administrativa do Grupo Recicle a Vida.

Para quem participou da missão, como a presidente da Associação dos Agentes Ecológicos de Dourados (Agecold), Lucimara Morel, ressaltou a importância de ter contato com as empresas. “Conhecer o escritório central da cooperativa trouxe para mim muito aprendizado, vou colocar até na nossa Associação algumas coisas que eles fazem aqui. Fiquei encantada com a trajetória deles, porque é uma história de luta e eu me vi nos desafios que eles enfrentaram, então, foi algo bom porque se eles têm essa estrutura hoje é algo que a gente também pode conseguir”, pontuou Lucimara.

De Ribas do Rio Pardo, Raquel Gonçalves da Cruz foi uma das participantes da missão. Ela contou que, o município ainda está no início de um trabalho na área, por isso, a relevância de saber mais sobre a temática. “Em Ribas nós não temos algo estruturado assim em relação à reciclagem, então, foi uma experiência ótima. Estou levando muito conhecimento para a gente colocar em prática lá nosso município”, comentou.

O secretário de Agronegócio, Meio Ambiente e Empreendedorismo de Camapuã, Giovani Rocha, destacou que o aprendizado proporcionado pela missão vai fazer diferença para a consolidação do trabalho que está sendo desenvolvido no município. “Tivemos a oportunidade de visitar várias unidades de tratamento de resíduos e isso foi de grande valia. Estou levando na bagagem bastante conhecimento, principalmente da parte estrutural e isso, para o meu município, que está começando do zero é algo que será muito importante para esse processo inicial de implantação”, expôs o secretário.

Cidade Empreendedora

Voltado para promover o desenvolvimento local a partir do fortalecimento dos pequenos negócios, o programa Cidade Empreendedora é uma iniciativa do Sebrae/MS executada em parceria com as Prefeituras Municipais que aderiram. Além de apoiar os empreendedores para que eles possam se fortalecer enquanto grupo, o programa também possui como vertente de trabalho a formação de gestores públicos, de modo a auxiliar a administração municipal a tornar os processos mais céleres e eficientes, além de implementar inovações e boas práticas de sustentabilidade.

Em Mato Grosso do Sul, 36 municípios pertencem ao programa Cidade Empreendedora: Costa Rica, Água Clara, Amambai, Aparecida do Taboado, Bandeirantes, Bataguassu, Batayporã, Bela Vista, Brasilândia, Caarapó, Camapuã, Chapadão do Sul, Coxim, Deodápolis, Dourados, Inocência, Jaraguari, Ladário, Maracaju, Miranda, Naviraí, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Paraíso das Águas, Paranaíba, Pedro Gomes, Ponta Porã, Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Rio Verde de Mato Grosso, Santa Rita do Pardo, São Gabriel do Oeste, Sonora e Terenos.

Mais informações sobre o programa Cidade Empreendedora, oferecido pelo Sebrae/MS, podem ser obtidas por meio do número 0800 570 0800 ou pelo site cidadeempreendedora.ms.sebrae.com.br .

Fonte:Assessoria de Comunicação / PMCR

Autor:Silvestre de Castro - Jornalista e Radialista

Fotos: Sebrae/MS
Fotos: Sebrae/MS
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
21°
Tempo limpo

Mín. 16° Máx. 30°

21° Sensação
1.54km/h Vento
56% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h34 Nascer do sol
05h44 Pôr do sol
Ter 30° 17°
Qua 29° 15°
Qui 30° 15°
Sex 30° 17°
Sáb 30° 18°
Atualizado às 02h07
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,10 +0,00%
Euro
R$ 5,56 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,55%
Bitcoin
R$ 362,836,16 +0,26%
Ibovespa
128,150,71 pts -0.1%
Publicidade