Ovos: Plantel produtivo segue retrocedendo em julho

Compartilhe

No decorrer de julho o plantel de galinhas para produção de ovos comerciais brancos e vermelhos apresenta retrocesso pelo quarto mês consecutivo.

O plantel instalado (desconsiderados a mortalidade) alcança pouco mais de 122 milhões de cabeças e equivale a queda mensal de 1,8%, significando o menor plantel produtivo não apenas deste ano, mas dos últimos 10 meses. Além disso, antecipações de descartes de galinhas foram realizadas em grande escala na tentativa de encontrar o equilíbrio entre oferta e demanda de ovos produzidos.

Fonte: OvoSite

O resultado dessa redução e antecipações, ao mesmo tempo em que deixa implícito as dificuldades do setor de postura comercial em manter os níveis anteriores de alojamento diante dos preços onerosos recebidos e que tiraram a capacidade de investimento na atividade, sinaliza a possibilidade de um volume de ovos mais ajustado à demanda interna e à possibilidade de melhores condições de comercialização. Mas, recuperar a saúde financeira das empresas ainda vai demorar bom tempo.

Original de OvoSite