Plano Safra: Propostas dos trabalhadores rurais são entregues a Tereza Cristina pela Contag

Compartilhe

A Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultores Familiares (Contag) e as Federações filiadas entregaram nesta quarta-feira (14) à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, suas propostas para o Plano Safra 2021/22, cuja validade tem início em 1º de julho.

Segundo nota da Contag, o documento reúne quase 80 propostas distribuídas em dez temas, como financiamento da produção, na reforma agrária, crédito fundiário, reforma agrária, assistência técnica, seguro rural, agricultura familiar, processamento e comercialização, práticas agroecológicas, entre outras.

Fonte: Freepik

Em relação ao crédito rural, uma das propostas é o aumento dos recursos da linha Pronaf Crédito para R$ 40 bilhões.

Além disso, há pedido para ampliação dos tetos e modalidades de financiamento do Pronaf Crédito e a redução de juros das linhas de crédito, além da atualização dos valores dos tetos e condições de financiamento para assentados da reforma agrária nas linhas de crédito do Pronaf A e Pronaf A/C.

Em relação ao Programa Nacional de Reforma Agrária, é solicitada a garantia de recursos para o pleno funcionamento do Incra, dando condições de executar suas atividades com recomposição do orçamento de 2021 no que diz respeito à reforma agrária, cita a Contag.

Original de Istoé