Preço do Diesel dispara três vezes mesmo com Isenção de Impostos Federais

Compartilhe

Mesmo com a isenção de impostos federais temporária feita pelo Presidente Jair Bolsonaro, o preço do óleo diesel continua em alta em dois meses já foram registradas duas altas, de acordo com a ANP o litro era vendido semana passada em média por R$ 4,27 alta de 1% em relação à semana passada e alta em relação à semana anterior e de 2,15% em duas semanas.

O valor atual é acima do que foi registrado durante a grave crise da greve dos caminhoneiros, período de maior preço já registrado.

O decreto assinado foi de ação imediata, diminuiria cerca de 0,30 centavos o litro, tal desconto nunca foi visto em postos ou em vendas diretas para agricultores no Brasil, tudo isso devido ao aumento de impostos estaduais por alguns governadores e pela própria inflação, na mesma semana a Petrobras anunciou aumento de 0,15 centavos por litro.

Por: Freepik

No dia 15, 18 estados brasileiros mais o distrito federal anunciaram mais aumentos por meio de aumento do imposto do ICMS, poucos estados não repassaram os aumentos.

O decreto tem validade de 60 dias, contudo, o governo federal ainda estuda novas formas de frear o aumento vertiginoso dos valores finais cobrados, só em 2021 estima se que a alta no preço final foi de mais de 40%, com a Petrobras tendo concedido 5 altas durante esse período. 

Tal cenário está atingindo diretamente o preço do frete rodoviário para produtores que já estão pagando quase que o dobro do valor pago por km rodado do ano de 2020, impactando assim diretamente o valor dos commodity transportados e causando prejuízos para produtores de todo o Brasil.

Por: Raphael Dumont