Presidente Jair Bolsonaro pretende ligar para o presidente da Rússia Vladimir Putin

Compartilhe

Segundo informações, o presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro pretende ligar para o presidente da Rússia, Vladimir Putin para liberação do uso emergencial da vacina imunizante Russa a Sputnik V, que já é fabricada no Brasil em parceria com a indústria brasileira.

Valter Campanato/Agência Brasil

Com o intuito de resolver o impasse sobre a vacina para o Coronavírus fabricada pelos russos a Sputnik V. Em 26 de março, o laboratório brasileiro que produz a vacina em parceria com o fundo soberano russo pediu à Anvisa autorização para uso emergencial de 10 milhões de doses da vacina.

Mas segundo a ANVISA a fabricante da vacina não enviou os papéis e laudos necessários para a autorização de uso.

A conversa entre os presidentes tenta pôr fim a esse impasse e tentar a liberação para uso emergencial.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) afirmou que recebeu na última quinta-feira (1º) o pedido de importação da Sputnik V.

As solicitações foram feitas por nove estados: Bahia, Acre, Rio Grande do Norte, Maranhão, Mato Grosso, Piauí, Ceará, Pernambuco e Sergipe.

Na terça-feira (30), a farmacêutica União Química afirmou ter concluído a produção do primeiro lote da vacina Sputnik V envasada no Brasil com base na transferência tecnológica do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) da Rússia para a empresa brasileira.

Por: Raphael Dumont