Produtores rurais cultivam Banana como forma de aumentar Renda Familiar

Compartilhe

“Pretendo empreender uma nova alternativa de renda para minha propriedade”. Foi com esse objetivo que a produtora rural, Edivane Fátima Botica, procurou o curso de Cultivo da Banana demandado pelo Sindicato Rural de Planalto da Serra, através da parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT).

<\/div>

O cultivo de culturas vem atraindo a atenção de pequenos e médios produtores rurais do Estado. Acompanhando essa demanda, o Senar-MT oferta diversos treinamentos voltados ao setor de fruticultura e olericultura.

Com o objetivo de ensinar os participantes a realizar a produção de banana para o consumo e comercialização, o curso Cultivo da Banana tem carga horária de 40 horas e utiliza técnicas de diferentes níveis tecnológicos de produção.

Além de conhecer como fazer o cultivo, os participantes também aprendem a realizar a colheita, o transporte e o armazenamento dos frutos.

Para Gilmar de Oliveira, apesar da vontade de investir no plantio da banana em sua propriedade, o produtor precisava enfrentar outros desafios como a falta de conhecimentos técnicos. “Através do curso, pretendo aprender a realizar o cultivo e a expectativa é que impacte na receita da propriedade”.

Produção

As plantações de bananeiras apresentam uma produção abundante. As pencas podem ser carregadas com até 200 bananas.

A cada safra, a bananeira se reproduz com a emissão de novas plantas e a colheita pode ser feita cerca de um ano após o plantio.

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Senar-MT