Roubo de Gado: Quadrilha é presa pela polícia na região de Rio Preto

Compartilhe

Na manhã de terça-feira (08/06), sete homens foram presos pelos Policiais Civis da Divisão Especializada em Investigações Criminais (Deic), suspeitos de estarem envolvidos em uma quadrilha que assaltou e furtou o gado de dez fazendas, além de serem cumpridos nove mandados de busca e apreensão na região de Rio Preto.

O delegado responsável pela operação, Paulo Buchala Filho, pediu que as prisões dos homens, que foram realizadas em Lins, Mirassol, Guaiçara e José Bonifácio (SP), fossem feitas através de mandados de prisão temporária, por 30 dias, expedida pela Justiça de Rio Preto, pelo fato dos sete homens terem demonstrado evidências de participação nos roubos de gado.

De acordo com Paulo Buchala Filho, a quadrilha já é suspeita pela realização de 10 assaltos a propriedades rurais na região de Rio Preto. Os acusados são da cidade de Lins, mas foram presos em Rio Preto.

Fonte: freepik

Como eram feitos os assaltos

Os ladrões chegavam na fazenda armados, rendiam os trabalhadores e levavam o gado com caminhões adequados para o transporte dos animais. Com a alta valorização da arroba do boi o roubo de gado está sendo incentivado.

Os homens foram levados para a carceragem Deic para prestar depoimentos,e além de serem ouvidos, todo o material que foi apreendido na operação será analisado pela polícia para achar mais algum envolvido.

Os acusados serão indiciados pelos crimes de roubo e furto de gado, posse de arma de fogo e receptação dolosa.

Original de Diário da Região adaptado para o Dia Rural