Suínos: Queda nas cotações dos Grãos alivia situação de Suinocultor

Compartilhe

O suinocultor, enfim, começa a sentir certo alívio. Isso porque, neste mês de junho, enquanto os preços do suíno vivo registram forte aumento, os valores dos principais insumos da alimentação, o milho e o farelo de soja, estão em queda.

Assim, pesquisadores do Cepea indicam que esse contexto diminui a pressão desse custo sobre as margens da atividade.

Fonte: Freepik

Levantamento do Cepea mostra que, no mercado independente de suínos, o incremento na demanda e a oferta controlada de animais vêm impulsionando os preços neste mês.

Na região SP-5, o animal registra média de R$ 8,02/kg na parcial de junho (até o dia 22), altas de 19,8% no comparativo mensal e de 69,8% no anual, em termos nominais.

Original de Cepea