Veja o desempenho do Frango (Vivo e Abatido) na 15ª semana de 2021

Compartilhe

Na semana que passou, terceira de abril, 15ª de 2021, o frango abatido registrou comportamento totalmente oposto ao previsto pelo AviSite sete dias atrás. Pois em vez de seus preços retrocederem – como tem sido habitual por volta do encerramento do primeiro decêndio do mês – voltaram a reagir, iniciando a segunda quinzena de abril (16) com o maior valor do mês.

E o resultado final da semana surpreende ainda mais ao se constatar que superou o pico de preços de março passado, tornando-se não só o maior valor do ano, mas também o segundo maior valor de todos os tempos, aquém apenas do pico de preços registrado nas duas semanas transcorridas entre 5 e 18 de novembro do ano passado.

Considerado o momento do mês, tal comportamento sugere que a redução anunciada pelo setor já começou, pois, é preciso convir, o mercado consumidor está sem condições de absorver o aumento de custos que o setor produtivo enfrenta. Assim, o repasse necessário se faz pela menor oferta.

De toda forma pesa aqui, também, o fato de os abatedouros estarem acorrendo bem menos ao mercado independente, em relativa calmaria desde o começo do mês e, agora, já com registro de vendas por valores inferiores ao referencial.

Mesmo assim, esse referencial – R$4,70/kg – permanece inalterado há, praticamente, seis semanas consecutivas (desde 8 de março passado), resultado que indica não haver grandes volumes em criação no segmento independente.

Fonte: AviSite

Original de AviSite